No caminho


O vento gelado anunciava. Eu estava em New York. Ô cidade fria essa. Duas calças, meia térmica, luva, gorro e casaco. Parece que nada adianta. Esperei uns vinte minutos do lado de fora do aeroporto até o Yuriy chegar. Estava ansiosa para vê-lo de novo e quando ele apareceu na minha frente tive a impressão de que tínhamos nos visto no dia anterior. Eram 10h30 da noite e ainda tínhamos quatro horas de viagem de carro até Washington DC. Que viraram mais de seis porque nos perdemos no caminho e pegamos um engarrafamento de quase uma hora. Enfim, DC!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Pelo mundo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s